Publicado por: seminariosdezembro | novembro 21, 2012

Programação VIII Seminários de Dezembro

O HISTEDBR ( Grupo de Pesquisa História, Sociedade e Educação no Brasil) juntamente com o CEPP( Centro de Estudos Político-Pedagógicos) e o Instituto Formação promovem um encontro anual de pesquisadores, com o propósito de socializar conhecimentos dos seus campos específicos de atuação, junto a profissionais e estudantes da área da educação, história, psicanálise, ciências sociais e políticas.

A partir dessa perspectiva, ocorrem os Seminários de Dezembro, evento que tem sido realizado, desde 2005, sempre na primeira semana de dezembro, colocando em pauta temas instigantes, fomentando a reflexão e o debate coletivo sobre o desenvolvimento humano e o processo continuado de formação de profissionais da educação e de atuação política em favor da construção de outra sociedade.

Neste ano de 2012, excepcionalmente, o VIII Seminário será nos dias 28, 29 e 30 de novembro, pois foi necessário antecipar sua realização, de modo a contribuir com o trabalho das Redes e Fóruns da Cidadania que realizará, no dia 07 de dezembro, a grande marcha estadual em defesa do direito à educação, reunindo educadores de mais de 60 municípios na cidade de São Luís.

Compreendendo a importância desse trabalho de base que professores realizam no Maranhão, o VIII Seminário de Dezembro antecipou sua programação que acontecerá na UFMA, no auditório Mário Meireles, no Centro de Ciências Humanas, reunindo estudantes, professores e  militantes em geral em torno do tema: Reinvenção da Política: contribuições da educação.

A escolha do tema não poderia ser mais acertada, diante da necessidade de se fortalecer as articulações entre os movimentos sociais, organizações de base e sindicatos na luta em defesa da educação pública, que continua a ser ameaçada pelos governantes que insistem em realizar a prática da sonegação desse direito a milhares de cidadãos brasileiros. No caso do Maranhão, os indicadores quantitativos se ampliam, enquanto os indicadores qualitativos demonstram a precariedade da educação ofertada, bem como as formas diversificadas de subtração dos recursos dessa área, como apontam denúncias feitas ao Ministério Público e as ações de investigação empreendidas em diversos municípios.

Ampliar a participação de todos os cidadãos/ãs em torno dos debates sobre a política e a educação é uma das finalidades do VIII Seminário, que conta com o apoio efetivo dos sindicatos, organizações  e  movimentos sociais combativos na programação do evento:

 

VIII Seminário de Dezembro

A Reinvenção da Política – Contribuições da educação

 

Dia 28 – Abertura – 17 horas

Expressão Cultural

Conferência – Educação e Formação Política

Conferencista: Prof. Dr. Roberto Leher – UFRJ e Fórum Nacional em Defesa da Educação Pública

 

Dia 29 – Manhã – 9:00 às 12:00

Mesa-redonda : Educação e Sindicalismo

Participantes : APRUMA, SINASEFE, SINTRAP (Caxias), CONLUTAS, Oposições na Educação

 

Dia 29 – Tarde – 14:30 às 17:30

Mesa-Redonda: Educação e Movimentos Sociais

Participantes : ASP, CEPP, Conselho de Direitos, Pastoral do Negro, Redes e Fóruns da Cidadania

Expressão Cultural

 

Dia 30 – Manhã – 9:00 às 12:00

Mesa-redonda: Educação e Movimentos Sociais

Participantes: Anel, Pronera, MST,  Fórum em Defesa da Educação Pública, Fórum em Defesa dos Direitos dos Deficientes

 

Dia 30 – Tarde – 14:30 às 17:30

Mesa-redonda: Educação e Cultura

Participantes: Quilombo Urbano, GEMARX,  Instituto Formação, Instituto Maracanã

Expressão Cultural

Anúncios

Responses

  1. Na abertura do VIII Seminário de Dezembro, a Conferência do Prof. Roberto Leher oportunizou reflexões profundas e fundamentadas na história do país, sobre os limites de um projeto de educação sob a tutela do Estado burguês. O Movimento Todos pela Educação, articulado pelos setores governamentais associados aos setores dominantes da Alta Burguesia ( bancos, corporações, fundações), tem atuado como um partido ideológico, construindo uma estratégica de controle sobre a formação das novas gerações de trabalhadores disponíveis para o processo de exploração e de produção de mais-valia, na condição de exércitos de reserva. Ocupar os espaços do debate sobre a educação, a partir de um projeto socialista de escola e de formação política para o socialismo é fundamental, a partir de rupturas com o projeto burguês entranhado nas escolas públicas, mediante a construção permanente de formas unitárias de ação da esquerda.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: